14 de abril – Santo Hermenegildo, mártir

14 de abril – Santo Hermenegildo, mártir

Hermenegildo era filho de Leovigildo, que em 567 sucedeu a Atanagildo e foi o primeiro visigodo a ter a insígnia do título de Rei e legado imperial na Espanha.

Os visigodos, que Clóvis havia definitivamente abandonado na Espanha, tinham abraçado o cristianismo, mas de uma forma herética, a ariana, que lhes foi proposta na segunda metade do século IV pelo Bispo Ulfila. Os francos, seus vizinhos, porém, eram cristãos católicos. Por motivos políticos, os visigodos se uniam com eles em matrimônio. Também Hermenegildo, cuja mãe Teodósia era católica, tinha recebido educação ariana, mas desposou uma Princesa católica de nome Ingonda.

Leovigildo exilou o filho Hermenegildo em Sevilha. Aqui o jovem abraçou o catolicismo e, talvez com a aprovação de São Leandro, pôs em prática um plano de insurreição contra o pai, pedindo a ajuda dos bizantinos e suevos. Foi derrotado, porém, e se rendeu diante das garantias propostas pela mediação de seu irmão Recaredo.

Foi jogado no cárcere de Valência e de Tarragona. No dia de Páscoa, 25 de março de 585, Hermenegildo recusou-se a receber a Comunhão das mãos de um Bispo ariano mandada por seu pai. Por este motivo foi imediatamente executado. Dada essa circunstância, ele foi um verdadeiro mártir.

Deus, nosso Pai, por intercessão de Santo Hermenegildo, dai-nos a retidão de espírito e fortificai nossos corações contra toda vingança contratada, ódio e contra todo o mal. Pela vossa palavra, iluminai nossos passos e guiai-nos em direção de vosso Reino. Amém.

Fechar Menu